Hallberg pede à Prefeitura fiscalização sobre os preços do botijão de gás

Em ofício enviado nesta terça-feira (07) ao procurador geral do Município, Luciano Braga Côrtes, o vereador Fernando Hallberg (PDT) encaminhou denúncia de suposto abuso nos preços do botijão de gás nas revendas de Cascavel. Ele afirma ter recebido relatos de consumidores que teriam pago até R$ 93 por um botijão de 13 kg.

“Não chegamos a ter falta de abastecimento de gás em nosso município, porém notamos que o valor se elevou muito nos últimos dias”, afirmou ele no ofício. Hallberg diz entender que possa haver alguma elevação nos preços em função de possíveis dificuldades no abastecimento, mas que é necessário acompanhar para que não haja abusos. Ele pede ao procurador que designe a fiscalização dos estabelecimentos pelo Procon, que no momento está sem uma pessoa na chefia no momento.

Assessoria de Imprensa/CMC



Quer acesso em tempo real a tudo que está acontecendo sobre a COVID-19 em Cascavel?

Entre em nosso grupo de notícias no WhatsAPP!
Entrar no Grupo